3 dicas fantásticas para sair financeiramente mais forte da pandemia

Escrito por:

De toda situação ruim, você pode fazer duas coisas: derramar lágrimas ou lidar com a situação e aprender algo. E esta crise é uma daquelas oportunidades para tirar duras lições.

 

O IBGC – Instituto Brasileiro de Governança corporativa, realizou no final de abril uma pesquisa com executivos de grandes empresas, e mais de 90% dos pesquisados não estavam preparados para uma crise. Porém, de tempos em tempos ocorre um evento que expõe as fragilidades das empresas. Então, se elas sabem que sempre pode acontecer algo do tipo, porque não se previnem? Não parece óbvio?

 

Agora, imagina você que é empregado assalariado ou autônomo, como vai estar preparado para uma crise se nem as empresas de grande porte estão? Pois é, vou te dizer uma coisa, isso é tão possível, que inclusive vamos te mostrar formas de como sair melhor preparado financeiramente depois de passado este período. E o melhor, aproveitando o que está praticando durante essa quarentena. Ficou confuso? Calma que já vou explicar.

 

Muitas pessoas tiveram seus rendimentos reduzidos neste período e precisaram se adaptar, ou por assim dizer, viver alguns degraus abaixo de suas possibilidades, diminuindo o status. E essa adaptação pode ser estendida no pós-crise. Olha essas dicas:

 

1 – Eliminar gastos supérfluos

 

Se você ficou só dentro de casa ou então fazendo a rota de casa para o trabalho sem paradas, já deve ter eliminado alguns gastos. Cortou aquele café pós-expediente, diminuiu os gastos com os chocolates nas compras do supermercado ou deixou de comprar objetos sem utilidade que corroíam o orçamento. Agora mantenha esses hábitos quando voltarmos ao que conhecemos por “normal”;

 

2 – Educação alimentar e festas

 

Com bares fechados e restaurantes atendendo de forma reduzida, você deixou de sair à noite com seus amigos e passou a almoçar menos em restaurantes. Quando tudo voltar ao “normal” que tal sair menos vezes à noite para o happy hour?! Já a alimentação durante o expediente pode continuar sendo a tradicional “marmita”, essa é com certeza uma forma de economizar muito.

 

3 – Trabalhe em home office

 

Se você pode e conseguiu trabalhar em casa e isso não afetou seu rendimento, você deve continuar dessa forma, reduzindo assim, gastos com gasolina e/ou transporte público. Inclusive, esta alternativa maximiza seu tempo, uma vez que não investirá mais horas do seu dia no deslocamento, diminuindo também o estresse do trajeto.

 

Além dessas 3 dicas, ainda tem esse bônus:

 

4 – Controlar seus gastos com o aplicativo Organizze

 

Se você já fazia o controle financeiro antes do coronavírus, deve ter notado essa redução nos gastos. Se ainda não faz, baixe o App e faça esse controle, com certeza um bom planejamento fará diferença quando chegar uma nova crise – elas sempre vêm.

 

Ah, e apesar de 90% das empresas estarem despreparadas, as outras 10% estavam em dia com seu plano, será que elas preveem o futuro? Na verdade, não, o fato é que elas estão sempre preparadas para uma nova crise, que pode ser política, financeira ou sanitária como esta.

 

E você, já se perguntou se está na hora de se preparar também?

 

Clique aqui para acessar a fonte da pesquisa com os executivos das empresas.

 

*Tiago Trespach Marques é formado em Administração e Pós-Graduando em Gestão Financeira, e atualmente se propõe a ajudar pessoas a melhorar sua relação com o dinheiro no perfil do Instagram gestaofinanceira_

Categorias:

Achamos que você vai gostar desses posts, também.

O ano novo vem aí: já começou a planejar 2021?
Por Equipe Organizze
Cuidados para evitar os golpes financeiros comuns do empréstimo pessoal
Por Equipe Organizze
Saúde e finanças: 4 dicas para manter o equilíbrio
Por Equipe Organizze
5 lições financeiras que a pandemia ensina
Por Equipe Organizze
Sinta a felicidade de estar no controle de suas finanças

Cadastre-se grátis, e veja sua vida financeira mudar a partir de hoje.

Organizze

Faça como mais de 50 mil organizzados! Receba GRÁTIS em seu email centenas de artigos e dicas para manter suas finanças em ordem (e a newsletter mais legal do Brasil!!).