Como a nova crise política afeta os investimentos

Escrito por: - Publicado em: 05/07/2017

O cenário político brasileiro não podia estar mais complicado. Com base nesse fato, já faz algum tempo que a economia e os investimentos são pautados pela crise política atual. Então, o que acontece nos corredores de Brasília afeta, e bastante, a vida de todos os investidores.

 

O que fazer nessa situação então? O Blog da Rico elencou algumas dicas para os investidores nesse momento crítico da economia. Confira algumas delas abaixo:

 

Crise política e investimentos: o que fazer?

 

A melhor recomendação neste momento é ter cautela e saber aproveitar as boas oportunidades. No mercado de ações, o nervosismo trazido pela crise política acaba por gerar volatilidade e em consequência algumas oportunidades.

 

Para aqueles que possuem carteira de ações para o médio e longo prazo, não é recomendado a saída de posição em momentos assim.

 

Vender quando os papéis estão em baixa por motivos sistêmicos (isto é, que abalam apenas o curto prazo) é concretizar o prejuízo. O melhor a se fazer é esperar a correção das cotações.

 

Por outro lado, se você busca construir posições, essa é a hora. Muitos papéis entram em liquidação quando a política fica instável. E quem não gosta de uma ‘promoção’, não é mesmo?

 

Já para os que estão na renda fixa, não muda nada por enquanto, justamente por ser um investimento mais conservador e de pouca influência do cenário no curto prazo sobre os ativos.

 

Leia mais: Qual a diferença entre renda fixa e renda variável

 

Em resumo, quem tem carteira para médio e longo prazo, nada muda. O recomendado é esperar o Governo se estabilizar no ano que vem e depois decidir o rumo dos seus investimentos.

 

Impactos da crise política atual no Tesouro Direto

 

A resposta é muito simples: nenhuma turbulência política abala o Tesouro Direto. Quem possui posições nesses papéis, pode mantê-las com a segurança de que vai receber de acordo com o previsto no início da aplicação.

 

Os títulos públicos são investimentos seguros, em especial se considerarmos que o risco é o governo dar calote, o que não deve acontecer no curto e nem no médio prazo.

 

Para quem tem títulos do Tesouro Selic e visam o curto prazo, a perspectiva também não muda de forma alguma já que a inflação está caindo junto com a Selic e isso mantém a sua rentabilidade real equilibrada.

 

Mas se você quiser investimentos ainda mais rentáveis a curto prazo que superem a taxa Selic, basta abrir mão de um pouco de segurança para aplicar em fundos de renda fixa ou ainda, multimercados.

 

Leia mais: O que é Taxa Selic? Entenda como ela afeta a sua vida

 

O que não fazer em momentos de incerteza política

 

O pior erro que os investidores podem cometer é deixar de aplicar porque estão com medo do mercado. Acredite, é pior deixar o dinheiro ‘em cima da mesa’ do que vê-lo render um pouco menos em algum investimento de curto prazo.

 

Assim, nunca deixe de aproveitar as oportunidades. Elas vão surgir. Em momento de incerteza, muito nervosismo é gerado e com isso surgem boas oportunidades tanto para o curto quanto para o longo prazo.

 

Por esta razão, você deve ficar atento a todos os movimentos sejam eles de renda fixa ou para o mercado de ações.

 

O segundo pior erro que muitos investidores cometem é vender papéis quando estão em baixa por ter medo da desvalorização. Esse é o famoso ‘movimento manada’.

 

E você só realmente perderá dinheiro investindo se fizer isso. Caso contrário, seus papéis podem até estar desvalorizados, mas o prejuízo só vai chegar mesmo caso você concretize a saída das suas posições por um preço menor do que o inicial.

 

Clique no botão abaixo e continue lendo.

Leia mais
Categorias:

Achamos que você vai gostar desses posts, também.

Como avaliar a rentabilidade dos investimentos
Por Luiz Roberto Brem de Almeida
Como investir no mercado de ações
Por Meu Patrimônio
Não coloque todos os ovos na mesma cesta
Por Luiz Roberto Brem de Almeida
Os 3 pilares dos investimentos
Por Meu Patrimônio
Sinta a felicidade de estar no controle de suas finanças

Cadastre-se grátis, e veja sua vida financeira mudar a partir de hoje.

Organizze

Faça como mais de 50 mil organizzados! Receba GRÁTIS em seu email centenas de artigos e dicas para manter suas finanças em ordem (e a newsletter mais legal do Brasil!!).