Como economizar dinheiro no Carnaval

Escrito por:

Quando vira o ano, o foco das atenções logo mudam do réveillon para o Carnaval. Depois dos fogos de artifício, já começamos a pensar na hora de jogar confete pra cima e correr atrás do trio em boa companhia.

 

Curtir a folia num lugar legal, juntar os amigos, beijar uns crushes e causar com fantasias criativas são alguns dos objetivos de quem ama essa época do ano.

 

Não importa se você vai de Catuaba, cerveja ou água mineral. Se você faz parte do fã clube carnavalesco e não espera o carnaval para ser feliz, veja 4 dicas para curtir muito sem maltratar seu bolso.

 

Fantasia mais em conta

 

Uma das coisas mais legais do carnaval é poder se fantasiar. Tem gente que se empolga e planeja os trajes com muita antecedência. E há quem crie fantasias bem atuais, baseadas em memes e personagens populares. Apesar de muito legal, nem sempre essa dedicação sai barato.

 

Para não desandar nas finanças, uma boa ideia é se planejar e tentar comprar fantasias legais em sites gringos. Os preços podem sair mais em conta e as chances de ter alguém vestido igual a você por aí é bem menor. Só tome cuidado na hora de converter o dólar para o real, senão você pode acabar pagando mais caro do que gostaria.

 

Uma coisa legal do carnaval nos últimos anos é a onda de ter fantasias bem no estilo DIY (faça você mesmo). Se você tiver um tempinho sobrando e o mínimo de habilidade manual, dá para ir em lojas de aviamentos e fazer seus próprios acessórios. Tiara, cocar, saia de tule, colar havaiano e regatas com paetês são alguns dos exemplos que você pode criar.

 

Bebida gelada sempre à mão

 

Outra moda que pegou nos carnavais Brasil afora é levar a própria bebida em um cooler ou bolsa térmica. Essa é uma excelente forma de economizar porque você pode comprar as bebidas algumas semanas antes e aproveitar as promoções.

 

Além de mais econômico, você pode variar nas bebidas abastecendo o cooler com cerveja, sucos e muita água para ajudar no calor e na ressaca do dia seguinte. Sem contar que, apesar de mais cômodo, comprar a bebida no meio da folia pode custar quase o dobro ou até mesmo o triplo do que você paga no supermercado.

 

Uma dica muito boa para que o gelo não derreta rapidinho e você acabe bebendo cerveja quente, é usar, além do gelo picado, gelos maiores feitos em casa. Vale encher potes de sorvete e de margarina que já serviram seu propósito com água e colocar no freezer na noite anterior. Por serem maiores, eles vão derreter mais devagar do que o gelo em cubos pequenos e manter tudo na temperatura certa por mais tempo #fikdik.

 

Programação gratuita

 

O carnaval de rua fez muito sucesso décadas atrás e, recentemente, voltou para ficar. Várias cidades pelo país têm uma programação bem diversa de blocos de rua que, além de divertidos, são 0800.

 

Ou seja, é só chegar com toda a sua animação e curtir a folia. É claro que ainda existem shows e blocos que são pagos, muitas vezes com artistas estourados no momento. No entanto, se você quer economizar no carnaval, evite pagar caro para ver seu cantor favorito de um camarote e curta os bloquinhos de rua com a galera. Além de se divertir da mesma forma, você não vai pagar nada.

 

Transporte compartilhado

 

Em época de carnaval, as cidades que têm uma programação legal costumam ficar bem movimentadas e oferecer programações por diversos bairros. Aí surge o dilema de como se locomover até os blocos de rua e shows sem gastar muito.

 

Uma saída é usar o transporte público. Mas vale ter atenção ao horário, já que pode haver menos ônibus ou metrô circulando por causa do feriado. Para quem tem mais animação, também dá para ir a pé. É só escolher lugares mais próximos de casa. Além de economizar, você ainda fugir dos locais mais cheios e curtir a festa sem empurra empurra.

 

Agora, se o lugar que você combinou de encontrar a galera é bem longe e o transporte público não colabora, o melhor é chamar um carro através de algum app de transporte e dividir a conta com os amigos.

 

Bônus: como ganhar dinheiro no carnaval

 

A ideia deste artigo era te dar dicas de como economizar dinheiro no carnaval, mas vou ir além e contar como você pode faturar uma graninha extra no meio da folia.

 

Sabe aquela dica de levar sua própria bebida? Você pode aproveitar um espacinho no seu isopor para levar alguns itens para vender. Vale cerveja, refrigerante, água, Catuaba, energético e até uns chup chups (sacolé, dindim ou seja lá como você chama na sua cidade).

 

É só fazer as contas de quanto vai vender cada unidade para ter um lucro legal e criar uma plaquinha para sinalizar o ponto de venda. Aí quanto maior a criatividade, melhor para você. Vale dar nomes engraçados e criar uma placa bem colorida para chamar a atenção.

 

As formas de economizar ou faturar um pouco mais de dinheiro no carnaval são diversas. Se você abusou da carteira nas festas de fim de ano, essa é a hora de colocar estas dicas em prática para retomar seu equilíbrio financeiro.

 

Tem mais alguma dica legal para ajudar quem quer curtir o clima carnavalesco sem ficar com a conta no vermelho? Deixe sua sugestão aqui embaixo nos comentários!

Categorias:

Achamos que você vai gostar desses posts, também.

3 dicas de gestão financeira pessoal aprendidas com o Tio Patinhas
Por Equipe Organizze
6 dicas de como economizar na decoração da casa
Por Equipe Organizze
Poupar dinheiro ou só se vive uma vez?
Por Equipe Organizze
Como administrar os gastos com animais de estimação
Por Equipe Organizze
Organizze
Experimente o poder de ter suas finanças sempre em ordem

Cadastre-se GRÁTIS no Organizze, e veja sua vida financeira mudar a partir de hoje.

Faça como mais de 50 mil organizzados! Receba GRÁTIS em seu email centenas de artigos e dicas para manter suas finanças em ordem (e a newsletter mais legal do Brasil!!).