Como investir em mini dólar?

Escrito por:

A procura dos investidores pelos contratos de dólar futuro é enorme. Existem duas modalidades mais conhecidas para operar a moeda, que é por meio do contrato cheio e do mini contrato.

 

O mini dólar é um mini contrato que equivale a uma fração do contrato cheio e ele foi idealizado para dar maior acesso à pessoa física, representando 20% de um contrato cheio do dólar, que equivale a U$50 mil dólares. Ou seja, os mini dólares representam a quantia de apenas U$10 mil.

 

Mas apesar desses contratos serem mais acessíveis e práticos de investir, é importante entender bem como eles funcionam antes de começar a operar na Bolsa de Valores.

 

Por isso, nós elaboramos este blog post com dicas e características do mini dólar. Confira!

 

O que são os derivativos?

 

O mini dólar, assim como os outros contratos do mercado futuro, são derivativos. O que isso significa? Que eles são criados em função de outro produto financeiro. No caso do mini dólar, ele oscila de acordo com a taxa cambial do dólar.

 

O que são os contratos futuros?

 

Os contratos futuros de commodities foram criados para protegerem as empresas e os produtores agrícolas das variações de preço. O dólar, por exemplo, surgiu para as empresas que têm despesas em dólar se protegerem da oscilação da moeda.

 

Vamos supor que uma empresa tenha comprado um maquinário nos EUA que ela só irá receber em 3 meses. Com isso, ela também só irá pagar por esse equipamento dali a 3 meses. Só que esse compromisso foi feito em dólar e não se sabe se a moeda irá se valorizar ou desvalorizar até lá. 

 

Então, o que as empresas fazem? Elas compram contratos de dólar na Bolsa de Valores. 

 

Caso dali a 3 meses o dólar se valorize, as empresas pagarão mais caro pelo maquinário, mas também irão lucrar com os contratos de dólar na Bolsa de Valores. Então acaba ficando “elas por elas”.

 

E não é só no dólar que as pessoas podem se proteger. É possível utilizar essa estratégia com milho, boi, café e outras commodities do mercado futuro. 

 

Diferenças entre o mercado de ações e o mercado futuro

 

→ Os contratos futuros se movimentam em pontos e não em centavos como as ações;

 

→ O horário de negociação do mercado futuro é de 9h às 18h. O do mercado de ações é de 10h às 17h.

 

→ No mercado futuro também existe o ajuste diário, que só interfere nas operações em que o investidor dorme posicionado. Explicaremos melhor sobre o assunto a seguir.

 

O que é o ajuste diário?

 

Todo dia, das 15:50 às 16h, é feita uma média dos preços de negociação do dólar nesses 10 mins e chega-se a um valor. Vamos supor que a média de negociação tenha sido 3750 pontos. 

 

Com isso, os investidores que dormirem posicionados no mini dólar serão “ajustados”. Isso significa que, se o investidor tivesse comprado o mini dólar a 3700 e decidido ficar com esse contrato até o dia seguinte, ele teria recebido o resultado referente a 50 pontos. 

 

É errado especular com o mini dólar? 

 

Não. Para operar o mini dólar, o investidor precisa especular o mercado, definindo quanto ele acha que será o preço do dólar em uma data futura pré-determinada.

 

Mas é muito importante que o investidor conheça os riscos antes, afinal de contas, é um ativo em que se opera alavancado. Já falaremos disso mais adiante. Além disso, também é muito importante contar com as ferramentas analíticas certas, como a análise gráfica, para prever com mais confiança o preço dos ativos. 

 

Preciso ter U$10 mil para investir em mini dólar? 

 

Não, porque como falamos anteriormente, os mini dólares são ativos em que o investidor opera alavancado. Isso significa que você consegue movimentar um valor maior na Bolsa do que o que você realmente tem na sua conta da corretora. 

 

Sendo assim, você só precisa disponibilizar uma pequena margem de garantia na corretora para conseguir operar com o mini dólar. Essa margem varia de instituição para instituição, mas costuma ser na faixa de R$ 30 por contrato negociado para day trade.

 

Mas por mais que as corretoras exijam só uma margem de garantia para você poder operar o mini dólar, é interessante que você não se alavanque demais, porque é como se você estivesse operando com um dinheiro que ainda não tem. Com isso, você pode ganhar muito dinheiro operando, mas também pode perder muito dinheiro.

 

Qual é o vencimento do mini dólar?

 

Para poder operar o mini dólar, você precisa entender o código do ativo. Com isso, entra a compreensão do vencimento do mini dólar. Todos os contratos vencem no primeiro dia útil de todos os meses e, para saber qual é o vencimento do contrato, basta adicionar o código do vencimento do mês em questão + o código do ano.

 

Os mini contratos do dólar são negociados na B3 sob a sigla WDO. Então, no mês de fevereiro, o contrato mais líquido costuma ser o formado pela sigla WDO + H + 20. Assim que entramos no último dia de Fevereiro, por exemplo, os investidores tendem a parar de operar o código acima e começar a operar o código WDO + J + 20. Veja abaixo uma tabela com a letra correspondente ao vencimento de todos os meses do ano:

 

Código/ Mês
F Janeiro
G Fevereiro
H Março
J Abril
K Maio
M Junho
N Julho
Q Agosto
U Setembro
V Outubro
X Novembro
Z Dezembro

 

Como funciona a operação de mini dólar?

 

Cada ponto do mini dólar vale R$10 e a variação mínima de cada contrato durante o pregão é de meio ponto. Ou seja, em uma operação de um contrato, você irá lucrar ou ter um prejuízo de no mínimo R$5. 

 

Imagine que você está operando um contrato de mini dólar. Você o comprou quando a cotação estava em 4.346 pontos. Quando você vendeu o ativo mais tarde naquele dia, ele estava valendo 4.349. 

 

Dessa forma, podemos dizer que o ativo se valorizou 3 pontos. Isso significa que você lucrou R$30 com aquela operação.

 

Tributação

 

Além da corretagem e dos emolumentos, as operações do mini dólar são tributáveis em 15% sobre o lucro líquido nas operações de swing trade e 20% nas operações de day trade. Lembrando que o investidor é o responsável pelo recolhimento do imposto de renda nessas operações.

 

Esperamos ter conseguido te ajudar a entender um pouco melhor sobre o mini dólar. Restou alguma dúvida? Deixe uma pergunta nos comentários abaixo!

 

Por Vexter – Fintech com sede em Belo Horizonte, dedicada a desenvolver soluções tecnológicas para o investidor iniciante na Bolsa de Valores.

Categorias:

Achamos que você vai gostar desses posts, também.

Quantos % do meu salário devo investir?
Por Equipe Organizze
Quem são os quase 3 milhões de investidores na Bolsa?
Por Alphamar Investimentos
CFD: o que é e como utilizar nas finanças pessoais?
Por Equipe Organizze
5 passos para escolher o melhor investimento
Por Alphamar Investimentos
Sinta a felicidade de estar no controle de suas finanças

Cadastre-se grátis, e veja sua vida financeira mudar a partir de hoje.

Organizze

Faça como mais de 50 mil organizzados! Receba GRÁTIS em seu email centenas de artigos e dicas para manter suas finanças em ordem (e a newsletter mais legal do Brasil!!).