Dicas para evitar se endividar no final do ano

Escrito por:

São muitos os motivos para comemorar o final de ano, já que, com ele, chegam as festas mais esperadas. Além disso, muitas pessoas tiram férias e recebem seu 13º salário.

 

Mas para evitar se endividar no final do ano com tantas tentações para gastar, selecionamos dicas que vão te ajudar. Confira!

 

Como não prejudicar as finanças e se endividar no final do ano

 

Além das viagens e passeios, o final do ano é uma época de compras, sejam presentes para si próprio ou também presentes para outras pessoas. Sem contar nos gastos com as festas em si.

 

Portanto, as tentações são muitas e com o 13º salário em mãos, é difícil não se controlar para não trocar móveis, eletrodomésticos, smartphones e outros. Porém, é comum que muitos brasileiros se endividem nessa época.

 

Para não se endividar no final do ano, anote essas dicas!

 

1. Foque em suas prioridades

 

Desde cedo precisamos aprender a ter prioridades e manter o nosso foco voltado a elas. Isso contribui em toda nossa vida e quando adultos, nos ajuda a fugir do endividamento. Com dinheiro em mãos, faça uma lista do que é prioridade, listando o item mais importante primeiro. Assim, se sobrar dinheiro, você poderá ir adquirindo e investindo nos demais itens. Considere, inclusive, os gastos comuns mensais, como aluguel, prestações, alimentação, saúde, entre outros.

 

2. Considere quitar suas dívidas

 

É claro que dificilmente você vai conseguir quitar todas as dívidas, caso tenha financiamento auto e/ou residencial, entre outras dívidas altas. Porém, pode tanto antecipar o pagamento de algumas parcelas, quanto quitar dívidas menores. Se já estiver devendo, aproveite que está com dinheiro em mãos para oferecer uma negociação à loja/banco. Para isso, considere pagar primeiro as dívidas com juros mais elevados, como cartão de crédito.

 

3. Se organize antes da virada do ano

 

Especialistas indicam que o melhor é organizar as finanças assim que pegar o 13º salário e/ou ter o dinheiro das férias em mãos. Para isso, é importante considerar os gastos que você terá no início do ano. Entre eles, IPVA, IPTU, mensalidades escolares e matrícula, seguro do carro, entre outros. Com dinheiro na mão para pagar à vista, você também consegue bons descontos.

 

4. Entenda que você não tem obrigação de dar presentes

 

Especialmente nas festas de Natal, é comum levar presentes para várias pessoas, senão, para a família toda. Se você realmente tem esse desejo e não quer abrir mão, considere comprar aos poucos, mês a mês e pagamento à vista. Porém, lembre-se que essa confraternização é um momento para passar um tempo com as pessoas queridas e presente não tem que ser o foco.

 

5. Evite parcelamentos

 

São muitas as ofertas e promoções tentadoras nessa época do ano. Porém, você precisa se atentar em não cair no parcelamento. Tente comprar tudo o que realmente precisar, pagando à vista. Não deixe de seguir as dicas já citadas aqui, como sair distribuindo presentes e não considerar o que realmente é prioridade. E se, realmente, precisar parcelar, considere fazer com o menor número de parcelas possíveis.

 

Aproveite essas dicas e fique livre do endividamento que o final do ano traz!

Categorias:

Achamos que você vai gostar desses posts, também.

Como antecipar o décimo terceiro salário?
Por Equipe Organizze
Como organizar uma festa dentro do seu orçamento familiar
Por Equipe Organizze
5 livros que podem ajudar crianças a entender como lidar com dinheiro
Por Equipe Organizze
Aplicativos de delivery: use com cuidado! Eles podem virar o vilão do seu planejamento financeiro
Por Equipe Organizze
Sinta a felicidade de estar no controle de suas finanças

Cadastre-se grátis, e veja sua vida financeira mudar a partir de hoje.

Organizze

Faça como mais de 50 mil organizzados! Receba GRÁTIS em seu email centenas de artigos e dicas para manter suas finanças em ordem (e a newsletter mais legal do Brasil!!).