Dinheiro parado: veja como usar de forma inteligente

Escrito por: - Publicado em: 08/11/2021

Por Danielle Vieira

 

Dinheiro parado pode ser sinônimo de dinheiro perdido, você sabia? Isso porque o dinheiro pode se desvalorizar, ou seja, o que você tem hoje, possivelmente irá valer bem menos daqui um tempo – o que também compromete o seu poder de compra.

 

Diversos fatores macro e microeconômicos afetam diretamente o valor do dinheiro. Mudanças nos principais indicadores econômicos e a própria conjuntura fazem com que o dinheiro se valorize ou perca o seu valor.

 

Quase sempre o que ocorre é que os aumentos ou ganhos não cobrem as perdas. Cinco reais há dois anos atrás valia mais que os cinco reais atuais.

 

Então, o que fazer para utilizar o dinheiro parado da melhor forma possível? Confira essas dicas!

 

4 formas de usar o seu dinheiro parado

 

As fontes do dinheiro parado podem ser muitas. Se você tem uma conta bancária com saldo positivo e, movimenta pouco ou não tem poupança ou alguma aplicação, significa que seu dinheiro está sem uso (ou que não está rendendo como poderia).

 

Um dos pré-requisitos da reserva de emergência é a liquidez. Isso garante que você possa sacar ou resgatar o valor reservado a qualquer momento.

 

Mas esta não é a única fonte e nem a única forma de fazer o seu dinheiro circular ou render. Veja o que mais você pode fazer, sendo ainda mais estratégico com sua grana:

 

1 – Sacar o saldo do FGTS

 

Os trabalhadores com carteira assinada têm automaticamente uma “reserva” de dinheiro que, muitas vezes, não é sequer lembrada.

 

A conta do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) que é vinculada ao CPF (Cadastro de Pessoa Física) de cada pessoa com esse tipo de regime contratual, recebe mensalmente depósitos dos empregadores.

 

Portanto, conforme os anos passam, esse saldo é incrementado e atualizado. As regras definidas pela Lei nº 5.107/1966, citam os casos em que é possível a utilização e o saque do montante.

 

Entretanto, outra opção estratégica para quem precisa de dinheiro, a um custo menor, é a antecipação do Saque-Aniversário.

 

Ao aderir ao Saque-Aniversário do FGTS, os trabalhadores podem receber anualmente uma parcela do saldo a que tem direito. Com a antecipação, é possível receber imediatamente o valor referente a até 5 anos.

 

Assim, o dinheiro que antes estava parado, pode ser utilizado para qualquer finalidade.

 

2 – Trocar as dívidas

 

Naturalmente, quem faz uso do cartão de crédito ou do cheque especial acaba pagando mais em termos de taxas de juros. Isso ocorre porque essas linhas de crédito pessoal, apesar de acessíveis, apresentam um Custo Efetivo Total (CET) maior – o que encarece a dívida original.

 

Ao fazer uma nova dívida e não conseguir quitá-la o saldo devedor vai aumentando devido aos encargos. Logo, quem tem qualquer valor disponível deveria priorizar o pagamento à vista. Essas negociações tendem a ajudar a economizar, a partir de descontos.

 

Do contrário, o que pode ser feito é substituir uma dívida mais cara (como a do cartão, por exemplo), por uma mais barata. Na prática você pode usar parte do dinheiro parado e/ou solicitar ainda um empréstimo que seja mais vantajoso.

 

3 – Fazer investimentos

 

Nem sempre a destinação do dinheiro parado deve ser a dos investimentos. Tudo irá depender, é claro, dos seus objetivos no curto, médio e longo prazos. No entanto, uma coisa é certa: a fase de acúmulo de capital deve vir depois de certa organização e estabilidade financeira.

 

Dessa forma, você não abrirá mão de nada no presente e ainda poderá usufruir dos ganhos no futuro.

 

Um erro clássico, por exemplo, é fazer investimentos em renda variável ou fixa sem conhecimento ou acreditando que irá ficar rico de um dia para o outro. Ledo engano.

 

Se for para ter algum retorno, vale a pena estudar e comparar todas as possibilidades. Seu apetite ou perfil de risco também contam muito.

 

4 – Adquirir patrimônio

 

A compra de bens como carros ou imóveis também é outra alternativa de investimento. Caso você não tenha o montante suficiente no momento, pode investir para ter ganhos ou ainda fazer um consórcio, por exemplo.

 

Em resumo, você usa hoje o dinheiro que estava parado para um objetivo futuro específico. Conquistas de médio e longo prazos que envolvem grande investimento exigem certo planejamento. Mas, a boa notícia é que você pode se habituar a poupar e passar a valorizar mais seu dinheiro.

 

Faça um rápido exercício: liste todos os objetivos e custos e faça um planejamento simples.

 

Porque dinheiro parado perde valor?

 

O custo de vida de uma pessoa costuma variar conforme o padrão e a região em que está. E a linha dos custos básicos aumenta com frequência. Basta considerar o aumento do aluguel, dos itens da cesta básica, dos impostos, dos custos mínimos para viver.

 

Esses custos são regulados pela inflação que ajuda a regular os preços e a economia em geral.

 

Em contrapartida, as fontes comuns como o salário mínimo ou dos benefícios previdenciários pagos pela Previdência Social, por exemplo, não acompanham essa curva.

 

Portanto, se os preços sobem, a renda não aumenta e você ainda tem dinheiro parado sofrerá com a desvalorização. Ter ciência disso, assim como pensar estrategicamente na melhor forma de utilizar esse recurso pode ajudar a passar por momentos mais críticos ou ainda a criar novas oportunidades para o futuro.

 

Por Danielle Vieira | Apaixonada por marketing, descobriu os números e finanças ao longo do caminho e, decidiu ajudar as pessoas através da educação financeira. Hoje faz isso atuando no marketing da bxblue, fintech acelerada pela Y Combinator e escrevendo em alguns portais.

Categorias:

Achamos que você vai gostar desses posts, também.

Como os aplicativos de finanças podem ajudar na organização do seu dinheiro?
Por Equipe Organizze
Dicas de planejamento financeiro para viajar
Por Meu Patrimônio
Você sabe cuidar bem do seu dinheiro ou fica agoniado só de pensar nisso?
Por Meu Patrimônio
O que fazer para ter mais segurança financeira?
Por Equipe Organizze
Sinta a felicidade de estar no controle de suas finanças

Cadastre-se grátis, e veja sua vida financeira mudar a partir de hoje.

Organizze

Faça como mais de 50 mil organizzados! Receba GRÁTIS em seu email centenas de artigos e dicas para manter suas finanças em ordem (e a newsletter mais legal do Brasil!!).