IPVA: À vista ou parcelado?

Escrito por: - Publicado em: 18/01/2012

No começo do ano, os proprietários de veículos devem fazer a difícil escolha: Pagar o total do valor do IPVA à vista com desconto ou parcelado sem desconto?

 

Para responder essa pergunta e decidir corretamente cada um deve fazer mais algumas perguntas para si mesmo.

 

Quem precisa do carro para trabalhar ou não é muito organizado com suas contas a pagar e, tiver o dinheiro disponível à vista, deve pagar integralmente, evitando pagar multa ou, em caso de esquecer o pagamento, se ver em uma situação difícil e incorrendo em algum tipo de multa por falta de pagamento do imposto devido.

 

Alguns especialistas costumam dizer que dependendo do desconto obtido no pagamento à vista, pode compensar pagar o valor inteiro ou não compensar e pagar o valor parcelado. Entretanto, em termos reais de valores, não há uma grande diferença em pagar o valor de uma vez ou o valor parcelado desde que o dinheiro fique investido em uma aplicação média ou até mesmo na poupança.

 

As pessoas que conseguem se organizar financeiramente e possuem todas as contas em dia, podem se dar ao luxo de pagar o IPVA parcelado diluindo o impacto da saída de dinheiro no começo do ano, quando muitas outras contas tendem a aparecer nas famílias brasileiras. Ou seja, se for possível estabelecer uma regularidade nos pagamentos e não havendo atrasos, não há motivos para não pagar o imposto de veículos parcelado e, portanto, com menor impacto financeiro.

 

Já para aqueles que decidirem pagar o imposto à vista,  devem se lembrar que despesas eventuais podem aparecer ao longo do primeiro mês do ano e, portanto, manter uma reserva é recomendável.

 

Em todos os casos, se houver atraso do pagamento do imposto não haverá vantagens financeiras. Assim, em caso de demora no pagamento, pode-se seguir fazendo o pagamento em qualquer das duas modalidades permitidas.

 

Portanto, seja qual for sua escolha, pense nas vantagens e desvantagens em suas contas a pagar. Se gosta de quitar logo suas dívidas e tem dinheiro para isso, pague à vista. Se você é do tipo organizado, recebe um salário constante e não quer um grande impacto no orçamento, parcele e seja feliz.

Categorias:

Achamos que você vai gostar desses posts, também.

Porque ainda é necessário comparar taxas de juros?
Por Equipe Organizze
Como cuidar bem do seu bolso: conheça alguns passos!
Por Equipe Organizze
O poder das escolhas financeiras no tempo
Por Meu Patrimônio
4 dicas para criar um fundo de emergência
Por Equipe Organizze
Sinta a felicidade de estar no controle de suas finanças

Cadastre-se grátis, e veja sua vida financeira mudar a partir de hoje.

Organizze

Faça como mais de 50 mil organizzados! Receba GRÁTIS em seu email centenas de artigos e dicas para manter suas finanças em ordem (e a newsletter mais legal do Brasil!!).