Juros Compostos: saiba como funciona

Escrito por:

Um assunto que pode parecer muito óbvio, mas na realidade não é, é o tema juros compostos. Esse tipo de juros é utilizado tanto para enriquecer rapidamente quanto para deixar você devendo muito mais do que realmente deve.

 

A lógica de funcionamento dos juros compostos pode confundir quem não tem muita prática com números ou cálculos financeiros. Não é possível, por exemplo, calcular de maneira simples os juros compostos em uma calculadora comum.

 

Qual a ideia principal desse tipo de juros? A ideia base que constitui esse tipo de cálculo é a a incidência de juros sobre os juros calculados no período anterior.

 

Vamos a um exemplo prático:

 

Se você tem uma quantia inicial num momento, vamos supor 100 mil reais e esta quantia vai sofrer a incidência de juros compostos de 1% durante 10 períodos, significa que no primeiro período você terá 101 mil reais, mas no segundo não terá apenas 102 mil reais, o que seria o pensamento mais automático. No segundo período de cálculo você terá que calcular 1% de 101 mil reais, que será 1010 reais e adicionar ao valor já calculado. Assim no final do segundo período, teríamos 102 mil e 10 reais, que é a soma dos 101 mil reais mais os 1010 reais de juros desse 101 mil. Esses 10 reais que apareceram “misteriosamente” são 1% de 1000 reais que já são juros. Por isso, juros compostos são conhecidos também como juros sobre juros já que há incidência de juros sobre os juros calculados em todos os períodos anteriores.

 

Agora você pode estar se perguntando: E o que tem de especial nesses juros compostos?

 

Como foi dito no início desse post, esse tipo de juros fazem o dinheiro crescer muito rapidamente. A melhor estratégia para ver seu dinheiro multiplicar com a ajuda dos juros compostos é depositar constantemente uma quantia fixa de dinheiro em seus investimentos que sofrem juros compostos (ex.: poupança, renda fixa, CDB, CDI). No início não é tão visível o poder dos juros compostos, mas ao longo dos anos investindo valores constantes você começará a agradecer a essa maravilha da matemática financeira. Você começará a ver o dinheiro trabalhando para gerar cada vez mais dinheiro nos seus investimentos. Investimentos de 50, 100 ou 200 reais constantes mensais e durante o período em que você está trabalhando até antes dos 60 anos podem garantir uma renda mensal adicional ao valor da aposentadoria.

 

A recompensa, no final, pode ser muito gratificante. É só ter um pouco de paciência que os juros compostos farão com que todo o dinheiro investido dê ótimos resultados.

Categorias:

Achamos que você vai gostar desses posts, também.

Qual a sua referência nos investimentos? Conheça os principais índices do mercado e compare com sua carteira
Por Alphamar Investimentos
Ações na Bolsa de Valores: entenda como ganhar com este investimento
Por Ana Cláudia Inez
4 erros que quem investe em ações não pode cometer
Por Equipe Organizze
Cuidado com os gastos invisíveis
Por Luiz Roberto Brem de Almeida
Sinta a felicidade de estar no controle de suas finanças

Cadastre-se grátis, e veja sua vida financeira mudar a partir de hoje.

Organizze

Faça como mais de 50 mil organizzados! Receba GRÁTIS em seu email centenas de artigos e dicas para manter suas finanças em ordem (e a newsletter mais legal do Brasil!!).