O que são Small Caps: conheça as pequenas ações da Bolsa

Escrito por:

Não é segredo que a Bolsa de Valores oferece muitas oportunidades para quem procura investir melhor e com maiores possibilidades de lucro. Mas o que muita gente não sabe é que existem diferentes tipos de ativos na Bolsa, e muitos deles passam despercebidos até mesmo por alguns investidores experientes.

 

Este é o caso das Small Caps, ações que não possuem tanta exposição no mercado, porém têm um potencial de crescimento significativo.

 

Quando você pensa em Bolsa de Valores, naturalmente você pode se lembrar das grandes e famosas ações, como Petrobras (PETR4), Vale (VALE3), Itaú (ITUB4) e tantas outras empresas renomadas do nosso país. Essas são ações com o que chamamos de alta capitalização: ações que possuem um alto valor de mercado, também chamadas de Blue Chips ou Big Caps.

 

Já as Small Caps, são ações com capitalização mais baixa da Bolsa. Ou seja, as empresas com valor de mercado mais baixo da Bolsa. Este é o caso de ações como MRV Engenharia (MRVE3), Lojas Marisa (AMAR3), Usiminas (USIM5), Arezzo (ARZZ3), Gol (GOLL4) e muitas outras.

 

Mas, afinal de contas, o que interfere no seu investimento as ações que são Small Caps ou não?

 

Ações Small Caps e Ações Blue Chips (ou as ações que não são Small Caps) oferecem diferentes potenciais de retorno, assim como diferentes riscos. E, por isso, exigem estratégias diferentes também. Entenda, abaixo, um pouco mais sobre as vantagens e riscos de ações que são Small Caps.

 

Vantagens das ações Small Caps

 

Pensando no conceito de ações de baixo valor de mercado, as Small Caps podem ser vistas como ações ruins, até porque elas são menos negociadas do que as ações de maior destaque da Bolsa.

 

Apesar disso, elas também oferecem um potencial de maior valorização frente a outras ações. Isso porque as ações que são Small Caps, muitas vezes, são ações mais baratas, e, em um caso de perspectivas positivas, elas têm um espaço grande de valorização.

 

Ao contrário das ações Blue Chips, que costumam ser empresas já mais sólidas no mercado, onde o valor de suas ações, às vezes, oscila sobre um patamar mais fixo, ou depende de fatores muito grandes para um crescimento mais significativo.

 

Cuidados com ações Small Caps

 

Mas nem tudo são vantagens. Assim como as Small Caps têm a chance de se valorizaram em um percentual maior, elas também possuem o risco de uma maior oscilação negativa. E por isso é importante estudar bem essas ações antes de investir.

 

Se você quer se aventurar no universo das Small Caps, acompanhar análises profissionais, seguir recomendações e montar uma carteira diversificada são atitudes que podem proteger seus investimentos de riscos, como:

 

Liquidez baixa: Small Caps costumam ser ações menos negociadas e, por isso, pode haver uma maior dificuldade em vender suas ações e liquidar sua posição, ou seja, encerrar seu investimento.

 

Oscilação muito intensa: como falamos anteriormente, ações Small Caps podem sofrer oscilações muito intensas, e por vezes, bruscas.

 

Crescimento incerto: empresas que são Small Caps podem ser empresas muito novas ou, mesmo, que enfrentam momentos de dificuldade, como recuperação judicial ou operação comprometida, o que exige uma análise mais minuciosa e cuidadosa para avaliar se são um bom investimento ou não.

 

Dados insuficientes para análise: se a ação em questão for muito nova na Bolsa de Valores, podem não existir dados o suficiente para uma análise mais aprofundada, assim como a dificuldade em precificar a ação e avaliar seu potencial.

 

Ainda assim, investir em ações que são Small Caps pode ser uma boa estratégia de comprar ações baratas com potencial de se valorizar muito. O importante é conhecer os riscos, ter planejamento e tomar decisões baseadas em análises e recomendações profissionais.

 

*Ana Claudia Inez é graduada em Relações Públicas e mestre em Processos Comunicacionais. Integrante da equipe de comunicação da Toro Radar – uma das maiores empresas de análise e consultoria em investimentos – é responsável pela comunicação e relacionamento da empresa com parceiros em todo o Brasil.

Categorias:

Achamos que você vai gostar desses posts, também.

Reserva de emergência: a sua rede de proteção para imprevistos
Por Alphamar Investimentos
Bolsa de Valores: o que significa quando a bolsa está caindo ou subindo?
Por Ana Cláudia Inez
O que fazer com o dinheiro que sobrou no fim do mês?
Por Equipe Organizze
Rentabilidade x Liquidez: qual a diferença entre os dois?
Por Equipe Organizze
Sinta a felicidade de estar no controle de suas finanças

Cadastre-se grátis, e veja sua vida financeira mudar a partir de hoje.

Organizze

Faça como mais de 50 mil organizzados! Receba GRÁTIS em seu email centenas de artigos e dicas para manter suas finanças em ordem (e a newsletter mais legal do Brasil!!).