Pensando em engravidar? Prepare suas finanças primeiro!

Escrito por:

A chegada de um filho é sempre um momento de muita alegria, mas também de muitos desafios. Entre as principais mudanças que precisam ser levadas em consideração pelo casal antes de encarar este importante desafio da maternidade e paternidade, estão todas as adaptações necessárias para receber o bebê – sejam elas psicológicas, estruturais e, principalmente, financeiras.

 

Se você está pensando em engravidar ou pretende ter filhos em um futuro próximo, talvez seja o momento de começar a preparar suas finanças e “arrumar a casa” para receber um novo ser com o maior conforto e tranquilidade possíveis.

 

Quer saber como planejar suas finanças e mantê-las organizadas antes e depois do nascimento do bebê? Então acompanhe o texto de hoje e descubra como preparar seu bolso para esta nova – e importante – fase da sua vida!

 

As finanças e gravidez: antes do nascimento

 

O primeiro passo para iniciar esta nova jornada familiar de maneira consciente e organizada para todos é colocar as finanças da família em dia. Tenha em mente que uma vida financeira estruturada poderá lhe trazer muito mais paz e bem-estar neste momento tão especial.

 

Confira a seguir 4 dicas preciosas para cuidar das finanças antes do nascimento do seu bebê:

 

1 – Faça uma lista de gastos

 

Durante a gestação – ou na hora de planejar uma gravidez – comece a listar todos os possíveis gastos que você terá com a gravidez. Entre as principais despesas que as mamães possuem neste período estão os gastos com médicos e hospital, roupas e fraldas para o bebê, móveis para o quarto da criança, carrinho de bebê, aulas de preparação para o parto e/ou para cuidar do bebê, entre outros.

 

Procure fazer uma lista com todos estes gastos e planeje com antecedência suas finanças para arcar com estas despesas sem grandes esforços. Lembre-se que você estará grávida e, portanto, é imprescindível se manter calma e aproveitar cada minuto desta incrível experiência.

 

Listar todos estes gastos e planejar suas finanças para a gravidez evitará que você passe por situações desagradáveis ou agitações necessárias relacionadas ao dinheiro!

 

2 – Priorize

 

Caso o orçamento não seja suficiente para cobrir todas as despesas listadas por você, é hora de priorizar o que precisa ou não fazer parte desta lista. Se não é possível pagar por aulas de preparação para o parto ou para cuidados com o bebê, que tal procurar informações na internet, consultar seu médico ou até mesmo aquela amiga que já passou por uma gestação?

 

Saber o que é imprescindível e o que é supérfluo neste momento ajudará você a garantir todas as suas principais necessidades e de seu bebê durante e depois da gestação, evitando desperdícios e possíveis endividamentos.

 

3 – Economize

 

Economizar é a palavra-chave para os papais que possuem um orçamento mais apertado para se preparar para o nascimento do seu filho. Para gastar menos neste período vale comprar móveis usados, pesquisar oportunidades de compra de enxoval – novo ou de segunda mão – na internet e até mesmo aproveitar aquelas ofertas imperdíveis para compra de fraldas.

 

Você também pode pedir auxílio de familiares e amigos para organizar um Chá de Bebê, a fim de arrecadar fraldas e outros itens que, eventualmente, você esteja precisando para a chegada do seu bebê. Nestas horas, toda ajuda é muito bem vinda, não é mesmo?

 

4 – Poupe

 

Muita gente acredita que poupar é o mesmo que economizar, o que não é verdade. O hábito de poupar – ou seja, guardar dinheiro para as mais diversas finalidades – é saudável e importante em qualquer fase da vida, mas pode ser ainda mais importante na hora de planejar uma gravidez.

 

Se você pretende ter filhos em um futuro próximo, a dica de ouro é poupar e, se possível, investir seu dinheiro ao longo dos meses. Com planejamento e organização financeira você conseguirá não só economizar dinheiro, mas também poupar parte de sua renda e transformá-la em uma quantia importante, que poderá ser extremamente útil durante e até depois da gravidez.

 

As finanças depois do nascimento

 

Chegado o momento tão esperado do nascimento do seu bebê, é hora também de pensar nas finanças da família – e, por que não, do seu próprio filho(a)! Afinal de contas, você possui agora uma nova vida sob sua responsabilidade e, por isso, precisa ter atenção redobrada em todos os setores da sua vida para, consequentemente, oferecer ao seu bebê as melhores experiências possíveis ao longo dos anos.

 

Confira 3 dicas para cuidar das finanças depois do nascimento de um filho:

 

1 – Organize

 

Manter as finanças organizadas deve ser um hábito em todas as fases da vida de uma pessoa. Quando a família aumenta, no entanto, a necessidade de organização financeira tende a aumentar ainda mais.

 

Por isso, procure organizar as finanças da família, mapeando todos os custos e ganhos mensais e identificando o fluxo de dinheiro mensal. Desta maneira você consegue ter um controle maior do que entra e sai da conta da sua família e planejar cada passo com muito mais firmeza, evitando endividar-se ou perder o controle financeiro.

 

2 – Planeje

 

Após organizar as finanças, é chegado o momento de planejar. Precisa comprar um carro maior para atender a família com mais conforto após a chegada do bebê? Então planeje-se!

 

Faça planos, estabeleça metas e busque alcançá-las no curto, médio e também no longo prazo – sempre com o auxílio de toda a família. Unir a família para planejar o futuro financeiro pode ser uma atividade enriquecedora e muito produtiva!

 

3 – Poupe

 

Muitos pais acreditam que, com o nascimento de um filho, faz-se necessário priorizar o acúmulo de dinheiro para garantir o futuro da criança. Isto, no entanto, não é, necessariamente, uma verdade.

 

Certamente os pais desejam sempre o melhor para seus filhos, e construir uma reserva de dinheiro para o filho pode ser uma excelente opção – não só para garantir um futuro mais tranquilo para seus herdeiros, mas também para ter uma reserva para pagamento da educação e saúde da criança quando for a hora, por exemplo.

 

O que as mamães e os papais devem ter em mente, no entanto, é que, antes de guardar dinheiro para o filho, é preciso garantir uma reserva de emergência para toda a família. Cada objetivo deve ser bem definido, assim como cada centavo poupado deve ser aportado para a causa correta.

 

Se você tem planos de construir uma reserva de emergência para imprevistos, por exemplo, deve realizar aportes para aquela finalidade. Da mesma maneira que, a partir do momento que você já tenha constituído uma reserva financeira familiar, deve se concentrar em direcionar seus aportes para outras finalidades e outros objetivos – como, por exemplo, uma poupança para o filho.

 

O importante é não deixar de poupar e ter seus objetivos muito bem definidos, para que você possa não só garantir um bom futuro aos seus filhos, mas também assegurar um futuro – e uma aposentadoria – muito tranquila financeiramente para você. Poupar, planejar, organizar e investir seu dinheiro corretamente nesta fase garantirá um futuro muito mais promissor para todos os envolvidos, e uma velhice muito mais serena!

 

Conclusão

 

Como você descobriu, o controle financeiro e a manutenção do hábito de gastar de maneira consciente são fundamentais para todas as mamães e papais antes e depois do nascimento de um filho. Por isso, empenhe-se em manter o controle das finanças sempre em dia.

 

Não se esqueça que o melhor que você pode deixar para o seu filho, mais do que itens de valor, são os aprendizados e os exemplos dados ao longo dos anos. O controle financeiro e o hábito de gastar de maneira consciente podem se transformar em exemplos e aprendizados importantíssimos para seus filhos – e um dos melhores exemplos que você pode dar a eles quando o assunto é educação financeira!

Categorias:

Achamos que você vai gostar desses posts, também.

3 dicas de gestão financeira pessoal aprendidas com o Tio Patinhas
Por Equipe Organizze
Filmes indispensáveis para quem quer inovar
Por Instituto Acelere
Poupar dinheiro ou só se vive uma vez?
Por Equipe Organizze
Saiba como funciona o Score do Serasa
Por Equipe Organizze
Organizze
Experimente o poder de ter suas finanças sempre em ordem

Cadastre-se GRÁTIS no Organizze, e veja sua vida financeira mudar a partir de hoje.

Faça como mais de 50 mil organizzados! Receba GRÁTIS em seu email centenas de artigos e dicas para manter suas finanças em ordem (e a newsletter mais legal do Brasil!!).