Tecnologia e planejamento financeiro pessoal: como os app’s podem te ajudar

Escrito por:

Ter um planejamento te ajuda a transformar sonhos em objetivos, além de proporcionar uma vida financeira mais tranquila e saudável. Definir metas de curto, médio e longo prazo, assim como ter um orçamento pré-definido, é essencial para que se obtenha sucesso na execução.

 

Quando falamos sobre planejamento financeiro pessoal, nos referimos a definir estratégias para controlar, direcionar e otimizar os recursos. Normalmente, quando pensamos nisso, logo vem à mente questões como: “O que eu faço para controlar meus gastos?”, “Quanto tempo levarei fazendo isso?” ou “Será que meus investimentos estão tendo um bom rendimento?”.

 

As ferramentas tradicionais, como as próprias planilhas, por exemplo, não são, de fato, práticas e rápidas, pois exigem disciplina, tempo e certa habilidade para mantê-las sempre atualizadas. Pensando nisso, algumas empresas desenvolveram aplicativos que podem ajudar nesse controle, inclusive com uma versão web. Alguns bancos também já oferecem tais funcionalidades.

 

É possível encontrar aplicativos que permitem a sincronização das contas correntes e de cartões de crédito, fazendo com que o lançamento das entradas e saídas, seja automatizado, além de distribui-los por categorias, como lazer, alimentação, transporte, moradia, entre outros. Isso permite visualizar para onde o dinheiro está indo, e se condiz com o que foi planejado inicialmente, identificando possíveis “vilões”, gastos não programados, que dificultam a realização dos objetivos.

 

Leia mais: 6 aplicativos para gerenciar gastos pessoais

 

No que diz respeito a carteira de investimentos, assim como para o controle orçamentário, é possível encontrar ótimas opções de aplicativos que mostram a rentabilidade dos ativos, analisando o comportamento em relação ao CDI, por exemplo.

 

Por tanto, se podemos ter esse acompanhamento disponível, o tempo todo, na palma das nossas mãos, por que não utilizar a tecnologia para facilitar essa tarefa? É fundamental que, mais do que criar estratégias, se faça o acompanhamento das etapas durante o processo. Como diria o físico irlandês, William Thomson: “Aquilo que não se pode medir, não se pode melhorar”.

 

*Lucienne Melo é graduada em Administração pela Universidade Federal do Espírito Santo e em Comércio Exterior pela Universidade Paulista. Atuou na área de planejamento estratégico da Petrobras, responsável pelo controle orçamentário no desenvolvimento de projetos na área de comunicação. Apaixonada por finanças e comportamento humano, hoje atua como Planejadora Financeira Pessoal.

Categorias:

Achamos que você vai gostar desses posts, também.

5 livros que podem ajudar crianças a entender como lidar com dinheiro
Por Equipe Organizze
Aplicativos de delivery: use com cuidado! Eles podem virar o vilão do seu planejamento financeiro
Por Equipe Organizze
Dicas para evitar se endividar no final do ano
Por Equipe Organizze
Casamento e dinheiro: os 3 erros financeiros que balançam a relação
Por Equipe Organizze
Sinta a felicidade de estar no controle de suas finanças

Cadastre-se grátis, e veja sua vida financeira mudar a partir de hoje.

Organizze

Faça como mais de 50 mil organizzados! Receba GRÁTIS em seu email centenas de artigos e dicas para manter suas finanças em ordem (e a newsletter mais legal do Brasil!!).