6 dicas simples para ter uma alimentação saudável e barata mesmo sem ter tempo

Escrito por:

Uma das desculpas muito utilizadas para não se investir em alimentação saudável, é a falta de tempo. Porém, sabemos que esse investimento pode trazer muitos benefícios para sua saúde, além de ser um bom negócio para o seu bolso, já que previne problemas de saúde em decorrência a má alimentação.

 

Destacamos alguns tópicos do artigo escrito por Liv Gitahy, para o Finanças Femininas, com dicas de ouro de como fazer essa transição de uma forma prática. Confira!

 

1 – Faça uma lista de compras

 

Organizar o que vai comprar é fundamental para não voltar para casa com quantidade além do necessário e itens que não estavam programados. Lembrando sempre que nunca devemos ir às compras com fome, pois a chance de comprar alimentos não planejados aumenta consideravelmente e extrapolamos no orçamento.

 

2 – Compre a granel

 

Tenha atenção se o estabelecimento disponibiliza laudo de certificação dos alimentos, se as pás utilizadas são individuais, para garantir que alimentos sem glúten não tenham contaminação. Peça para experimentar para garantir que o produto não esteja murcho, rançoso ou velho. A qualidade deve estar em primeiro lugar para garantir o bom aproveitamento do alimento.

 

Geralmente os produtos a granel, como castanhas, sementes, farelos, chás, grãos, cereais e suplementos são muito mais baratos do que os embalados de marcas conhecidas e ainda dão a liberdade de comprar na quantidade exata para o período desejado.

 

3 – Aproveite as promoções

 

Hoje não é difícil encontrar cupons ou vales de desconto em sites, revistas, aplicativos ou até como benefício do cartão de crédito. Crie uma pasta com todos esses descontos e organize quais serão usados antes ou depois, dependendo das necessidades.

 

4 – Programe sua marmita e deixe de comer fora em ocasiões especiais

 

Para quem ganha vale-alimentação ou refeição no trabalho, vale muito a pena usar esse cartão no supermercado, realizar refeições em casa ou levar sua própria marmita para o trabalho com alimentos saudáveis e frescos. Tire um dia para preparar as marmitas da semana toda. Faça uma fornada de legumes e verduras variados assados, uma panela maior de arroz com vários outros grãos, saladas de pote, proteínas grelhadas ou refogadas, separe em potinhos e congele com etiquetas descrevendo o que contém em cada recipiente.

 

As refeições fora de casa além de serem mais caras, geralmente contém ingredientes menos saudáveis, mais refinados, frituras e o risco de cair em tentação, é muito maior. Deixe as refeições fora de casa para datas especiais, comemorativas e não custa nada pesquisar o preço do menu antes, certo?

 

Confira todas as dicas clicando no botão abaixo.

Leia mais
Categorias:

Achamos que você vai gostar desses posts, também.

4 dicas para cozinhar em casa, comer bem e economizar
Por Equipe Organizze
Supérfluos: os obstáculos para seus objetivos financeiros
Por Luiz Roberto Brem de Almeida
Decoração barata: faça você mesmo uma cabeceira para a cama
Por Viva Decora
Como priorizar as dívidas? Saiba o que fazer para evitar que a dívida aumente
Por Equipe Organizze
Sinta a felicidade de estar no controle de suas finanças

Cadastre-se grátis, e veja sua vida financeira mudar a partir de hoje.

Organizze

Faça como mais de 50 mil organizzados! Receba GRÁTIS em seu email centenas de artigos e dicas para manter suas finanças em ordem (e a newsletter mais legal do Brasil!!).