Como montar um jardim vertical sem gastar muito

Escrito por:

Jardim vertical é um tipo de jardim suspenso criado para ser fixado em paredes ou suspenso em tetos. Engana-se quem pensa que ele é uma solução nova de paisagismo.

 

Na verdade, ideia semelhante já foi empregada em projetos de arquitetura desde os tempos antigos. E de um jeito simples e prático – sem gastar muito – você mesmo pode criar ou recriar um modelo numa varanda ou pátio de sua residência.

 

 

Um pouco sobre os jardins verticais

 

Jardins suspensos ou jardins verticais é uma ótima solução para casas e apartamentos – principalmente os pequenos.

 

Espaços internos e externos podem ser decorados desse modo e terem seu isolamento térmico e acústico, assim, melhorados.

 

Vasos com plantas são distribuídos verticalmente, otimizando o espaço de planta baixa e liberando área de piso para outros elementos, como sofás e mesas.

 

Por certo, o contato com a natureza é o que impulsiona mais as pessoas a criarem ou recriarem decorações com jardins verticais. É que elas já percebem os benefícios que a proximidade com as plantas traz para sua saúde e querem ter isso em casa.  

 

Afinal, um lar equilibrado é mais aconchegante, alegre, e atrai coisas positivas para a vida. E as plantas podem limpar o ar local, retirando impurezas e anulando energias ruins.

 

 

Às vezes um toque de verde é tudo que se precisa para complementar a decoração de uma residência.

 

Uma parede vazia em uma varanda, cozinha, sala de jantar, banheiro, pátio interno ou fundo de quintal e mais pode ganhar mais vida através de um quadro vivo. Esta é uma solução decorativa muito utilizada por arquitetos e designers.

 

E é bem capaz de servir para deixar sua casa mais bonita! Aposte nesta ideia!

 

 

Agora, cuidado, pois o efeito desejado só será alcançado se você tiver cuidado constante com as espécies. Para que as plantas cresçam e se desenvolvam bem, é necessária uma quantidade mínima de luz natural e umidade – também é interessante haver sempre substratos no fundo dos vasos, como argila expandida.

 

Tudo isso deve ajudar a nutrir bem o solo e fazer o verde se mantenha vivo e tenha aparência saudável.

 

 

O modelo de jardim vertical é, sim, um jeito diferenciado de personalizar a casa. Porém, não há garantias de que esta solução dê certo em qualquer proposta, já que devido às condições locais as plantas podem não vingar.

 

Por isso, estude bem o local de instalação do quadro vivo e quais espécies poderá plantar nos vasos. Não use apenas o critério da beleza, mas da adequação.

 

“Além da estética das folhas, é importante se preocupar com o volume das suas raízes, suas formas de crescimento e o seu comportamento dentro do sistema, para que ela sobreviva dentro do jardim vertical.”– arquiteta Camila Muniz, em reportagem de Dicas de Mulher.

 

 

Instalação

 

Não importa o tamanho da parede que se tem livre, disponível. É possível criar um jardim vertical com muitas flores e folhagens mesmo em espaços pequenos. Estude antes como será a sustentação dessa estrutura.

 

Existem inúmeras possibilidades de montagem. Os vasos podem ficar fixados em um quadro na parede, apoiados em nichos e prateleiras ou presos ao teto com alguma corda ou cabo, tanto faz.

 

Se você é criativo e gosta de DIY pode criar instalações personalizadas para a sua casa. Veja sugestões no tópico seguinte!

 

 

Jeitos diferentes e baratos de montar um jardim vertical

 

Como dito antes, existem jeitos diferentes de se montar um jardim vertical. Alguns são mais caros – como mandar fazer um quadro sobe medida em madeira ou metal. Mas, você pode criar algo único em sua casa.

 

 

Tem pessoas que usam todo o tipo de material para sustentar os vasos. Exemplo, itens comprados em ferragens, como correntes ou cordas; ou coisas que iriam para o lixo, como venezianas antigas.

 

 

Nas imagens apresentadas neste texto é possível ver exemplos bem criativos de jardins verticais. Tem vasos presos em pequenas treliças, em ripas e tábuas de madeira, em telas, pallets, e tiras plásticas moldadas e pintadas.

 

 

Os próprios vasos das plantas não precisam ser como os tradicionais vendidos nas lojas, como cerâmica ou plástico, mas de materiais reciclados, como vidros ou latas de alimentos. Não há limites para sua criatividade!

 

 

Então, já está preparado para montar o seu jardim vertical? Sabe em qual local da casa irá instalar e como poupar dinheiro na montagem do quadro vivo?

 

Não se esqueça de pensar numa forma de reutilizar a água das plantas!

 

Estas dicas para criar um jardim vertical foram desenvolvidas pela equipe Viva Decora.

Categorias:

Achamos que você vai gostar desses posts, também.

Como organizar as finanças do casal sem brigas
Por Equipe Organizze
7 dicas de como otimizar os espaços de sua casa
Por Viva Decora
3 segredos que o gerente do banco esconde de você
Por Equipe Organizze
6 dicas simples para evitar gastos com saúde
Por Luana Biral
Sinta a felicidade de estar no controle de suas finanças

Cadastre-se grátis, e veja sua vida financeira mudar a partir de hoje.

Organizze

Faça como mais de 50 mil organizzados! Receba GRÁTIS em seu email centenas de artigos e dicas para manter suas finanças em ordem (e a newsletter mais legal do Brasil!!).