Conheça os 7 principais livros de educação financeira

Escrito por:

A independência financeira e o conforto econômico são requisitos essenciais para uma vida equilibrada, agradável e produtiva. Para muito além de salários ou rendas repletas de dígitos, o segredo para a saúde financeira consiste na aplicação e na administração inteligente de recursos — sejam eles modestos ou volumosos.

 

Existe uma vasta literatura sobre o tema, com preciosas dicas e ensinamentos acerca das finanças pessoais, capazes de modificar vidas e visões de mundo dos seus leitores. Por isso, no artigo de hoje, falaremos sobre os sete principais livros de educação financeira que prometem revolucionar o jeito como você gere o próprio dinheiro. Acompanhe!

 

1 “Pai rico, pai pobre”

 

O livro escrito pelo milionário americano Robert Kiyosaki já é figurinha carimbada nas sugestões de livros sobre finanças pessoais. O livro retrata as experiências de vida de Robert, oriundo de uma família de classe média no Havaí, e o que ele aprendeu a partir das observâncias acerca do modelo de vida do pai (a quem ele chama de “pai pobre”) que nunca atingiu a liberdade econômica, e do pai do melhor amigo (o “pai rico”), cuja postura empreendedora levou a ser o homem mais rico do país.

 

Na obra, uma frase especialmente famosa chama a atenção: “alguém que largou os estudos na oitava série e vive gastando menos do que ganha é mais inteligente do que um professor universitário que não consegue fechar as próprias contas”.

 

Kiyosaki defende, ainda, que a chave para a liberdade e para a saúde financeira é a habilidade que alguém desenvolve para transformar seus ganhos em renda passiva e/ou em um portfólio pessoal lucrativo — como foi o caso do próprio autor, que transformou sua história de vida em um best-seller.

 

2 “The Millionaire Fast Lane”

 

“The Millionaire Fast Lane” é uma obra reverenciada por empreendedores do mundo inteiro. MJ DeMarco desconstrói, em seu livro, uma série de lugares-comuns que envolvem a gestão econômica e sustenta que trabalhar duro, salvar 10% do salário e se aposentar aos 65 anos é um plano idiota porque:

 

→ O mercado financeiro é muito volátil;

→ Você já “estará em uma cadeira de rodas” quando finalmente reunir o suficiente para tanto.

 

Por esses motivos, DeMarco garante que uma estratégia muito mais eficaz é aproveitar a volatilidade do mercado a seu favor, estudando-o para investir com sabedoria e um mínimo de segurança, enriquecer de maneira mais rápida e, assim, ter mais tempo para aproveitar os frutos disso.

 

3 “Como Investir em Imóveis”

 

O mercado imobiliário é, provavelmente, o mais ambicionado pelas pessoas que anseiam ter rendas fixas passivas que sejam, ainda, minimamente estáveis. O autor, Leonardo Ávila, é um especialista em imóveis e, no livro, explica todos os processos e custos referentes a investimentos no setor, dando também várias dicas para que o leitor faça uma boa compra economizando o máximo possível.

 

Entre as muitas dicas apresentadas por Ávila, destacam-se os aconselhamentos práticos para redução de taxas praticadas por construtoras e imobiliárias, muitas vezes abusivas. O livro é, sem dúvidas, um excelente investimento para quem está interessado em investir em imóveis.

 

4 “A Nova Regra do Jogo”

 

Em “A Nova Regra do Jogo” Rafael Paschoarelli revela os segredos e as armadilhas criadas por empresários e comerciantes inescrupulosos — incluindo bancos e instituições financeiras — para extorquir o consumidor. O autor fornece, ainda, uma série de dicas para que o leitor se proteja desses abusos e, desse modo, não cometa desperdícios financeiros.

 

Com a leitura da obra você será desafiado a repensar diversos aspectos da sua vida financeira e perceberá detalhes que, muitas vezes, passam despercebidos por quem ainda não está habituado a esse universo.

 

5 “O Investidor Inteligente”

 

Publicado originalmente em 1949, “O Investidor Inteligente” é uma leitura obrigatória para todos aqueles que buscam reduzir gastos e otimizar ganhos. Ele é apontado por gigantes como Warren Buffet — terceiro homem mais rico do mundo — como o melhor livro sobre investimentos já escrito.

 

A obra reúne, em mais de 600 páginas, diversas (e preciosas) lições para quem deseja começar a investir — tanto em renda fixa quanto na bolsa de valores. As versões mais atuais são editadas e comentadas por nomes de peso como Jason Zweig — aclamado colunista do Wall Street Journal — e contém, portanto, um conteúdo rico e com aplicações atuais para esse clássico da literatura das finanças.

 

6 “Como Trabalhar 4 Horas por Semana”

 

Leitura obrigatória para todos aqueles que desejam ter mais tempo para si sem comprometer seus ganhos. Mais do que um livro sobre dinheiro, economia e finanças, “Como Trabalhar 4 Horas por Semana” é um verdadeiro guia sobre qualidade e estilo de vida.

 

Se você busca uma rotina menos acelerada e se anseia fazer do dinheiro o seu aliado e não o seu algoz, não deixe de conferir essa obra. Nela, o autor Timothy Ferris, revela como conseguiu construir sua fortuna e automatizar seu negócio de modo que precisasse trabalhar apenas 4 horas semanais (sim, só isso!).

 

Com o tempo livre, Ferris começou a colecionar experiências e exemplificou como a não necessidade de direcionar a maior parte da vida para pagar contas ou acumular dinheiro pode transformar um indivíduo e preencher vidas com boas memórias — não cifras. Vela alguns dos diversos e inusitados feitos do autor:

 

→ Recordista mundial de tango;

→ Dançarino de break na MTV Taiwan;

→ Ator e apresentador na China e na Tailândia, respectivamente;

→ Tetracampeão mundial de vale-tudo;

→ Poliglota, fluente em 5 idiomas;

→ Escritor best-seller.

 

7 “Pense e Enriqueça”

 

Esse clássico da literatura é o resultado de uma série de entrevistas e análises realizadas por Napoleon Hill nos anos 1930. A obra apresenta um método por meio do qual um forte desejo pode ser transformado em seu equivalente financeiro que envolve passos práticos pré-definidos.

 

Por fim, confira uma citação famosa da obra: “Todo ser humano que atinge a idade de começar a entender para que serve o dinheiro quer tê-lo. Mas querer, somente, não traz riquezas. No entanto, desejar riquezas com um estado de espírito que se torne uma ideia fixa, planejar meios e modos definidos para conquistá-las e basear esses planos em uma persistência que não admita o fracasso — isso, sim, trará riquezas”.

 

E então? Qual desses livros de educação financeira é o seu favorito? Deseja receber outras dicas como essas? Então não deixe de assinar a nossa newsletter!

Categorias:

Achamos que você vai gostar desses posts, também.

Viva a vida!
Por Luiz Roberto Brem de Almeida
Como conseguir melhores resultados com sua personalidade?
Por We Mentor
5 atitudes que você precisa tomar para conquistar mais riqueza
Por Equipe Organizze
4 dicas para uma rotina mais saudável
Por We Mentor
Organizze
Experimente o poder de ter suas finanças sempre em ordem

Cadastre-se GRÁTIS no Organizze, e veja sua vida financeira mudar a partir de hoje.

Faça como mais de 50 mil organizzados! Receba GRÁTIS em seu email centenas de artigos e dicas para manter suas finanças em ordem (e a newsletter mais legal do Brasil!!).